Foco Política

Situação e oposição divergem sobre números da operação tapa buracos

Carrijo afirma que prefeitura está próxima de alcançar 70% dos buracos tapados na cidade. Silésio diz que problema persiste nos bairros mais afastados
Na semana passada, a prefeitura de Uberlândia informou que cerca de 25 mil buracos foram tapados na cidade. Conforme balanço da secretaria de obras, 6,7 mil toneladas de massa asfáltica foram utilizadas e uma extensão de 85 mil m² foi recuperada nas vias dos 74 bairros da cidade.

Apesar dos números, o vereador Silésio Miranda, da oposição ao governo municipal, afirmou que apresentou requerimento pedindo explicações sobre os números apresentados. O líder do prefeito rebateu e disse que o maior buraco foi deixado pela administração anterior. Leia abaixo as posições dos dois edis:

Vereador Silésio Miranda:

“Não acredito na quantidade de buracos que o governo alega ter feito, basta sair na rua que você verá que não condiz com a realidade. O problema persiste principalmente nos bairros mais afastados. Inclusive, nós fizemos um requerimento para que o Executivo nos forneça essa conta declaradamente. Como ele chegou a esse número? Onde são esses 25 mil buracos? Sei que a realidade da prática não condiz com o discurso.
“O governo municipal deve praticar aquilo que fala, o que não está acontecendo e a gente espera que tenha solução. O meu gabinete trabalhou muito nessa dinâmica do governo passado, recebíamos os pedidos e passávamos para as secretarias. Essa quantidade está maximizada, isso é uma jogada de marketing. Esse número não é real, não tenho dúvida, porque quando eu e meus assessores vamos para a rua, vemos outra realidade.”

Vereador Antônio Carrijo:

“O grande buraco da administração é deixar essa incompetência que o governo anterior deixou de todos os seus serviços não aditados na prefeitura. Vários contratos, diversos convênios, nada disso foi realizado e agora está sendo feito. A prefeitura buscou agora num primeiro momento fazer esses contratos emergenciais para legalizar a situação.
“Na questão específica dos buracos, a prefeitura está fazendo um trabalho conjunto com a Secretaria de Obras e o Dmae para que possa tapar todos os buracos da cidade de Uberlândia. Acreditamos que até o final de abril, início de maio, toda a cidade esteja com 100% dos buracos tapados.
“No momento nós devemos estar atingindo 60% a 70% dos buracos tapado. Há um mês, tínhamos atingidos 50%. Acredito que nessa fase em que voltou a chover, devemos alcançar o objetivo de 70% mais rápido possível.

Texto: Leonardo Leal

Notícias relacionadas