Destaque Foco Música Rock

Garçom! Por favor, uma porção de rock n’ roll


Vai começar mais uma edição do Comida di Buteco. Fui ao lançamento do evento em Uberlândia, mas não tive o prazer de experimentar os petiscos. Senti somente o cheiro de cada prato apresentado. Apesar de ficar na vontade, posso afirmar que o pessoal caprichou nas receitas.

Além dos aromas, o que também me chamou a atenção foram os nomes dos pratos. Um mais curioso que o outro. Se liga.

Não estamos no Sul, mas um prato saiu com o nome de Tri Gostoso. Outros lembraram programas de TV, Porpeta do Sô Creysson e Dupla Dinâmica. O Delícia da Rosélia promete te seduzir, e alguns ainda estou tentando entender, Tareco da Taboca ou do João (oi?). Por fim tive a honra de criar o nome de um dos concorrente, Filé Suíno no Grau.

Depois do evento, fiquei a pensar como amarraria o assunto gastronômico com o desta coluna. Demorou, mas arrumei um gancho. E se por acaso houvesse o concurso Comida di Roqueiro? Como seriam os nomes dos pratos?

De entrada, acompanhando uma cervejinha os duvidosos Pasteizinhos de Mamonas Assassinas. E que tal um Bolo To Be Wild? A lista segue com Espaguete Caboclo, Astronauta de Marmelo, Lanterna dos Refogados e Descobridor dos Frutos dos Mares. O forçado Love My Tender. Ainda não acabou, duvido que Dave Grohl comeria o seu Food Figthers. Para encerrar, o favorito ao título: Cabeça de Morcego Anti-Rábica do Ozzy.

Nessa playlist, selecionei apenas músicas que de alguma maneira tem a ver com comida.

Texto: Anderson Tissa
Foto: Anderson Tissa detentor dos direitos de uso

Notícias relacionadas