Cultura

Oficina de lambe-lambes acontece logo mais na Oficina Cultural

O lambe-lambe é um cartaz ou pôster artístico e/ou crítico instalado na cidade

Buscando trazer à tona o que é reproduzido no dia-a-dia e que muitas vezes passa despercebido no que é dito pelos mais desatentos, o ‘Sobre o que eu falo’ vem propor um rompimento com qualquer forma de preconceito na linguagem. A oficina e a roda de conversa – que acontecem às 19h30 desta terça-feira (25) na Oficina Cultural – configuram o encerramento de três etapas propostas pelo projeto: confecção dos lambes (pôster artístico colado em espaços públicos), divulgação das atividades e roda de conversa para discutir os efeitos do projeto na cidade.

Para a idealizadora do ‘Sobre o que eu falo’, Francesca Gargiul, a presença dos lambes nas ruas de Uberlândia levou os pedestres a ter as mais diversas reações. “A ideia era fazer com que as pessoas prestassem mais atenção no que falam. Teve gente que até levou para casa”, afirmou.

Hoje também é dia de confeccionar lambes

Nesta terça-feira, a oficina foi divida em teoria e prática, com exibição de três documentários sobre o assunto, roda de conversa e confecção de alguns lambe-lambes.

O que é um lambe

O lambe-lambe é um cartaz ou pôster artístico e/ou crítico instalado na cidade. É uma forma popular de intervenção artística porque atinge um grande número de pessoas e busca despertar reflexões que não estão presentes no nosso cotidiano.

Serviço:

O quê: Projeto ‘Sobre o que eu falo’
Quando: às 19h30
Onde: Oficina Cultural – Sala Roberto Rezende
Endereço: Praça Clarimundo Carneiro, 204, bairro Fundinho
Entrada franca

Texto: Secom PMU

Notícias relacionadas