Cidade Destaque Expresso

Uberlândia é destaque no IV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável

O evento, realizado no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, começou esta semana e contou com a presença de prefeitos de todo o país.

Reconhecida como uma cidade que adota práticas inteligentes e sustentáveis, Uberlândia participa como convidada, até amanhã (28), do IV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS), promovido pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP). O evento, realizado no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, começou esta semana e contou com a presença de prefeitos de todo o país e com representantes do governo federal e do Banco Mundial.

A cidade, ao ser considerada modelo, foi destaque no evento em uma mesa redonda sobre ‘Boas práticas e visões futuras das cidades inteligentes européias e brasileiras: iniciativa de mobilidade e energia’. Representando o prefeito Odelmo Leão na ocasião, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo, Dilson Dalpiaz, teve a oportunidade de realizar uma apresentação sobre o município, falando sobre os exemplos de sucesso em áreas como disponibilidade de água e energia, saneamento, governança social e transporte público, por exemplo.

Além de Uberlândia, a mesa redonda contou com a exposição de representantes das cidades de Campinas (SP), Vitória (ES), Milão (Itália) e Amsterdã (Holanda). “Pudemos conhecer outras iniciativas e verificamos que precisamos avançar na integração da economia criativa. Contudo, ficou claro também que nossa cidade oferece excelente qualidade de vida e um ambiente de negócios excepcional para receber parcerias”, disse Dalpiaz.

Estratégias para o desenvolvimento sustentável

O secretário também participou do painel ‘Diálogos sobre a Estratégia de Desenvolvimento Sustentável para os Municípios’. Mediado pelo presidente da FNP, Márcio Lacerda, o painel contou com a participação de dirigentes do Banco Mundial, incluindo o gerente setorial de Desenvolvimento Urbano e Gestão de Riscos de Desastres para a América Latina e Caribe, Ming Zhang. Segundo Dalpiaz, foi possível discutir conceitos e conhecer as propostas do Banco Mundial. Uma delas, por exemplo, é liberação de fundo para custear a realização de concessões e a padronização de editais e regras. Outra seria a disponibilização de financiamentos para facilitar e agilizar obras de infraestrutura e transporte.

IV Encontro dos Municípios

OIV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS) foi promovido pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) neste ano com o intuito de auxiliar na estratégia de atuação do Banco Mundial no Brasil pelos próximos seis anos. Na oportunidade, técnicos em áreas específicas do banco também se colocaram à disposição dos prefeitos para garantir que as cidades procurem e tenham um desenvolvimento sustentável.

Texto: Ascom PMU

Notícias relacionadas