Cidade Destaque Expresso

Dois policiais militares e um homem são presos e indiciados por extorsão

Dois policiais militares e um homem foram indiciados pelos crimes de receptação, corrupção ativa, concussão e associação criminosa. Eles também tiveram prisão preventiva declarada e suspensão de suas funções. De acordo com as investigações da Polícia Civil, os policiais teriam cobrado para restituir um veículo que foi legitimamente apreendido e encaminhado para o pátio de recolhimento credenciado ao DETRAN-MG.

Um dos investigados que foi preso em flagrante havia se identificado como policial durante a extorsão. O suspeito havia marcado um encontro para recebimento da extorsão, quando houve a abordagem policial. Após a prisão em flagrante do suspeito, ele revelou que agiu a mando de um policial militar, que havia repassado as informações necessárias para que a vítima fosse contatada e a extorsão realizada.

Ainda segundo a Polícia Civil, foi identificada durante as investigações, a participação de um segundo policial militar e colega de turno do primeiro. As investigações foram iniciadas após solicitação de uma das vítimas, que procurou a delegacia e relatou que supostos policiais estariam lhe exigindo uma quantia de até R$40 mil para a restituição de um veículo furtado no dia 07 de fevereiro no Estado de Goiás.

Esclarecimentos — A Polícia Civil de Minas Gerais esclarece que atua no combate aos furtos e roubos de veículos automotores e existe um procedimento padronizado para a restituição dos bens localizados, os quais devem ser apreendidos e encaminhados para o pátio de recolhimento credenciado pelo DETRAN-MG. A restituição de um veículo encaminhado ao pátio deve ser autorizada pelo delegado de polícia e somente pode ser efetuada após realização de vistoria veicular para constatação da autenticidade dos sinais identificadores.

A instituição informa também, que não existe nenhum tipo de cobrança de taxa nos casos em que veículos produtos de crimes são recuperados, razão pela qual a vítima deve procurar a delegacia especializada para inteirar-se dos procedimentos necessários para baixa dos impedimentos e restituição do bem.

Texto: Da Redação com informações da Polícia Civil

Notícias relacionadas