Destaque Expresso Painel Política

Deputado de Uberlândia é citado na lista da JBS

Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

O deputado federal Weliton Prado está entre 25 deputados de Minas Gerais citados na lista da JBS que teriam recebido doações do grupo empresarial nas eleições de 2014. A lista dos irmãos Joesley e Wesley Batista que fizeram acordo de delação premiada foi entregue à PGR (Procuradoria Geral da República) e divulgada pelo jornal O Estado de São Paulo na quarta-feira (24). Na lista, consta a doação a Prado no valor de R$ 102,1 mil.

Resposta à Imprensa do deputado federal Weliton Prado – “A doação da empresa foi feita ao Partido, não diretamente a minha campanha, que só informava aos candidatos quem eram os doadores originários para a emissão dos recibos eleitorais. Repudio todos os atos ilícitos dessa empresa criminosa. A lista é pública, da justiça eleitoral, de doações estimadas e financeiras do Partido que eu estava filiado na época, com a devida emissão dos recibos eleitorais números: nº013910600000MG000272(TSE), nº013910600000MG000212(TSE), nº013910600000MG000270(TSE), nº013910600000MG000209(TSE), nº013910600000MG000211(TSE), nº013910600000MG000210(TSE), nº013910600000MG000271(TSE), nº013910600000MG000021(TSE)”.

Confira outras notícias da semana em nosso Painel da Política:

Novas revelações na CPI do Ipremu – A ex-diretora administrativa financeira do Ipremu (Instituto de Previdência Municipal de Uberlândia) disse na CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que a decisão de investir em fundos acima do limite de 25% do patrimônio líquido nos três fundos em outubro de 2016, partiu do ex-superintendente do instituto, Marcos Botelho. Ela disse também que sabia que esses investimentos poderiam comprometer a regularização do CRP (Certificado de Regularização Previdenciária), mas que uma carta de contrato daria a garantia de retirada dos recursos em excesso caso não fosse possível enquadrar a aplicação no prazo de 120 dias. A CPI investiga possíveis irregularidades de aplicações em fundo de investimentos feitas pelo órgão, na gestão anterior.

Homenagem à CDL – A Câmara Municipal homenageou a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Uberlândia com diploma de Honra ao Mérito em reconhecimento aos 40 anos da entidade. A entrega do diploma aconteceu na manhã de terça-feira (23) na sede da CDL. O presidente da entidade Cícero Novaes destacou na ocasião a importância dos empresários no progresso da sociedade. “A classe empresarial é a que gera empregos, que paga os impostos, e que realmente move o país. Sem a nossa presença, nada funciona. Porque Estado não tem renda e não gera empregos se não existir a classe empresarial. Os 40 anos da CDL são uma história de como deve ser levada uma associação, que evidentemente pode representar o que acontece no país como um todo. Se a gente replicar isso na política, pode ter certeza que o Brasil muda pra melhor”.

Homenagem à Calu — Também, na quarta-feira(24), a Câmara de Uberlândia homenageou a Calu (Cooperativa Agropecuária Ltda de Uberlândia) com diploma de Honra ao Mérito pelos 55 anos da entidade e 25 anos da criação do Comitê Educativo. A sessão de Honra ao Mérito realizada na sede da entidade contou com a presença do vice-prefeito Paulo Sérgio e dos vereadores Vilmar Resende, Ronaldo Alves, Jussara Matsuda, Isaac Cruz, Vico, Antônio Carrijo, Felipe Felps, Doca Mastroiano e Roger Dantas.

Texto: Leonardo Leal

Notícias relacionadas