Cidade Destaque Expresso

Poder Público projeta ações de segurança pública e assistência à população de rua

Foto: Araípedes Luz- Secom/PMU

Com o objetivo de traçar metas para o bem comum da população em situação de rua e a convivência harmoniosa nos espaços públicos, o prefeito Odelmo Leão se reuniu na manhã da última quinta-feira (29) com representantes do ministério Público Estadual, Polícia Militar e secretarias municipais de Saúde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbanístico e Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação. As ações a serem desenvolvidas vão integrar um projeto social com a parceria de várias instituições.

A ideia é incentivar as instituições públicas e privadas no trabalho assistencial com caráter social. De janeiro a maio, mais de duas mil pessoas em situação de vulnerabilidade social foram atendias pela prefeitura e encaminhadas para tratamentos de saúde e para regresso à cidade de origem. “Seremos uma força auxiliar com ações de foco humanístico e de maneira continuada para ajudar pessoas em situação de rua. Ao mesmo tempo, vamos garantir a segurança nos espaços públicos, sempre pensando no bem-estar da comunidade”, disse o prefeito Odelmo Leão.

Apoio da população

O promotor de justiça, Marco Aurélio Nogueira, participou da reunião e informou que a inciativa tem como objetovo traçar metas humanas para o bem comum da população que se encontra vivendo nas ruas. “Esta reunião tem o viés ‘Não dê esmolas’. Há instituições sérias que a prefeitura cadastrou e são fiscalizadas pelo Ministério Público com a função específica de atender o bem comum e contamos com o apoio de todos nesse projeto”, comentou.

De acordo com o comandante da 9ª Região de Polícia Militar, coronel Cláudio Vitor, a polícia militar dará o apoio necessário às operações planejadas. “Contamos com o suporte de diversas instituições para que essas ações aconteçam e sejam preservados os direitos fundamentais do cidadão. É essencial destacarmos que o espaço público é de todos. Então temos de trabalhar no sentido de manter esse ambiente seguro, limpo e organizado para que tenhamos uma convivência harmoniosa”, afirmou.

Texto: Secom PMU

Notícias relacionadas