Entrevista Expresso

Francielle Andrade fala sobre o projeto Fran Sem Frescura

Foto: Divulgação

Francielle Andrade fala sobre o projeto Fran Sem Frescura, de coach e fitness, que em um mês já tem mais de 11 mil seguidores

Lançado oficialmente no início de julho, o projeto Fran Sem Frescura já conta com mais de 11 mil seguidores no Instagram. A modelo e coach fitness Francielle Andrade procura compartilhar com os seguidores e o público em geral o conhecimento adquirido com a própria experiência, tanto no desenvolvimento pessoal, como na prática de atividades físicas que levam a uma vida saudável. Em entrevista a O JORNAL de Uberlândia, Fran falou sobre o trabalho de coach, os próximos passos do projeto, sua disciplina e disposição para conciliar as diferentes atividades do dia a dia. Confira abaixo os principais trechos.

 

 

O Projeto Fran Sem Frescura foi lançado oficialmente no início de julho. O que ele propõe, tanto aos seus seguidores nas redes sociais, quanto ao público em geral?

Ele tem duas características: a mente e o corpo. Não basta ter um corpo saudável, a gente precisa ter uma mente saudável também. O trabalho da mente entra com a Fran Coach, com o meu estudo através da Metafísica, no qual me embaso há cinco anos.

Comecei a estudar sobre a capacidade que temos dentro de nós mesmos, que vem da mente. Porque a mente é composta pelos pensamentos. Então, é levar o pensamento correto para manifestar, para sua mente produzir no campo que é o consciente. Tem todo um processo que vai para o subconsciente e materializa no nosso plano material.

 

Por que a escolha do nome Fran Sem Frescura para o projeto?

Costumo dizer que quem me conhece, sabe que a origem desse nome tem tudo a ver comigo, porque sou assim. Acredito e criei essa filosofia para mim, de que tudo do simples dá resultado, tanto que o meu slogan é “Viva simples-mente”. Enfatizo que, para uma mente simples, uma vida simples.

Às vezes há uma preocupação em se ficar enfeitando demais, produzindo demais uma coisa, buscando muito recurso, sendo que aquilo que a gente tem, o simples, dá resultado. Eu vivi isso. Deu certo para mim e estou compartilhando. As pessoas se preocupam tanto em buscar uma coisa tão sofisticada e se perdem, demoram, e se pode encontrar um resultado. Porém é tão mais fácil encontrar o mesmo resultado do que a pessoa buscar um caminho mais extenso…

Ser naturalmente, sem se preocupar, por exemplo, de ir a dois eventos e ter que usar roupas diferentes. Ser você o tempo todo. Bem consigo mesmo e com as pessoas, sem se preocupar em ter essas frescuras com as coisas, no bom sentido, que eu digo. A Fran é sem frescura, como se diz, não tem tempo ruim.

 

Como funciona esse trabalho com a mente?

A partir do momento em que você acredita, quando você começa a pôr na prática que o simples dá resultado, você começa a lançar esse comando de autoridade para sua mente e ela começa a se manifestar na sua vida. O simples dá resultado, você pode viver uma vida tranquila, buscar resultado nas coisas simples. Tudo isso é para você ver o que é o poder da mente.

A sua mente impulsiona a sua vida, comanda a sua vida. Se você quer viver uma vida simples, você vai jogar esse comando na sua mente de autoridade, ela vai produzir e você vai viver. Você é o que você quer ser.

 

Você trabalha a parte da mente, mas há também um trabalho do corpo relacionado às atividades físicas. Como funciona essa parte?

Eu sou uma ponte que leva a informação através dos profissionais qualificados. Uma vez que a minha formação é o Direito, não tenho formação em Educação Física nem Medicina. Então, vem a equipe de profissionais que dão esse suporte da parte da atividade física, dos exercícios. A forma de executá-los corretamente, vem o personal trainer, que é o Jackson Garcia, que faz essa alavancagem. Eu estou ali através do personal mostrando a execução do exercício correto para evitar lesões. No tocante a lesões, entra o doutor Abelardo Pena, médico do esporte e ortopedista. Ele mostra o que acontece quando se pratica atividade física, se faz exercício errado. Quando eu preciso da área cardiológica, que tem tido muita incidência dentro das academias, problemas cardiovasculares, vem a parte cardiológica com o doutor César Saldanha, que passa as orientações para as pessoas se cuidarem, antes de fazer atividade física. A nutrição também é com o nutricionista Felipe Rissato, nosso nutricionista parceiro. Esses profissionais me amparam com informações para eu passar aos seguidores. É um trabalho conjunto, mente e corpo saudáveis.

 

Como começou esse estudo que te levou a se tornar coach?

O estudo da Metafísica, eu comecei há cinco anos. Estou saindo da cadeira de aluna, sendo preparada para a cadeira de professora. Quero dar palestras motivacionais. Esse estudo começou quando eu vi a necessidade, as mudanças, a carência das pessoas. Gosto muito de conversar com as pessoas e fico feliz de saber que consigo passar com essa simplicidade.

Eu busquei, deu certo para mim, e hoje quero passar para as pessoas o poder que elas têm. A Metafísica te mostra que todas as respostas estão dentro de você mesmo. Que não existe problema sem solução. Antes de existir um problema, já tem a solução, e ela está dentro de nós mesmos. Ela te ensina, mostra para você esse poder que você tem.

 

Quais foram as transformações a que esse estudo te levou e agora você deseja compartilhar?

Eu fui buscando mecanismos até para a minha própria família – tenho um filho adolescente – para poder lidar com isso. Nunca fui uma pessoa de desistir, sempre fui uma pessoa de buscar caminhos. E encontrei na Metafísica esses parâmetros que poderiam me ajudar.

No início começou na área de exercícios físicos da academia. Porque as pessoas sempre admiravam a minha determinação, mãe de dois filhos, dona de casa. Tenho uma empresa com o meu marido e o ajudo nos negócios. Então, sempre tive diversas atividades e nunca deixei de me cuidar.

 

Qual é a sua forma de administrar o tempo para realizar todas as atividades?  

Sempre acordo e agradeço. A minha frase é: “Eu tenho tempo para tudo”. Assim, jogo esse comando de autoridade para minha mente e produz no meu plano fenomênico, aqui no plano material: “Tenho tempo para tudo”.

A pessoa acorda, o despertador toca e ela diz: “Nossa, tenho que fazer isso e não vou ter tempo”. Com isso ela já jogou esse mecanismo negativo de que não vai ter tempo para aquilo. Ele vai manifestar isso. Não vai ter tempo, mesmo.

Palavras negativas vão manifestar no plano coisas negativas. Então eu já acordo agradecendo tudo e todos. É isso que quero mostrar através dos estudos. Tudo nós temos e conseguimos através da nossa mente.

Determinação, foco. Todas essas palavras não são para a gente ficar enfeitando hashtag. São palavras para serem usadas e jogadas com autoridade para exercer na sua vida. Passe o que tiver que passar, a gente tem que enfrentar e alcançar aquilo que nós traçamos para a nossa vida.

 

Além do tempo, como você desenvolve a disposição para fazer tudo?

Com a disposição é a mesma coisa. Tudo funciona através da mente. É lógico que a gente passa por problemas, mas logo a gente quer encontrar a solução e sair. A gente não aceita ficar ali por muito tempo. Temos as dificuldades, um dia nos dá um mal-estar, no físico, mesmo, alguma questão de saúde, alguns problemas que acontecem, e temos que resolver. A pessoa aproveita aquilo para se ausentar da atividade física. Para não se alimentar bem.

Nós falamos que são os MIR, Mecanismo Inconsciente Resistente. Você tem algumas barreiras também, que ficam tentando te atrapalhar. E você tem que acreditar que o seu pensamento é mais forte que esse MIR. Nós temos uma mania de ir para a zona de conforto com muita rapidez. Qualquer coisinha, a gente já deixa o MIR trabalhar a nosso desfavor. A gente tem que ser mais forte e vencer. Não deixar, porque se a falta de disposição ficar mais forte, ela vai começar a usar estas barreiras para poder te atrapalhar.

A pessoa traça uma meta e cumpre sem deixar nada atrapalhar. A sua determinação não pode ser maior que a sua falta de motivação.

 

Quais são os canais de divulgação do projeto Fran Sem Frescura, que abrange o coach mental, motivacional e também atividades físicas?

Temos o canal do YouTube, o Instagram, a fanpage no Facebook, o site e o blog, todos com o nome Fran Sem Frescura, em que transmitimos as informações.

O conteúdo mais elaborado está no canal do YouTube, já informações diárias com treinos e dicas rápidas estão no Instagram e na fanpage. Também colocamos conteúdos, informações, dicas no site. Em breve, vou dar início aos e-books no site, dentro da área da Metafísica, de como trabalhar com a mente.

 

Qual tem sido o público principal do projeto?

Por incrível que pareça, hoje o meu público são os jovens. A faixa etária entre 18 e 24 anos. Isso me dá uma responsabilidade maior. Teve início com o meu filho adolescente. Hoje muitos pais têm que trabalhar. A mãe que era do lar está fora também, colaborando com o sustento da família. Então, os filhos ficam um pouco mais afastados, não têm aquele apoio da mãe. Hoje, me traz ainda a responsabilidade de saber dessa faixa etária porque hoje eu sou mãe dos filhos das minhas amigas. Eu passo informações e fico feliz de estar colaborando com esse público também.

 

Em relação a qualidade de vida, saúde e bem-estar, qual a faixa etária que tem buscado mais informações?

Nesse segmento, quem busca mais são pessoas mais maduras. Homens e mulheres praticantes de atividades físicas que vêm em busca de informações dentro da área de exercícios físicos, da atividade e informação médica dos profissionais.

Os jovens estão buscando a parte mental e as pessoas mais maduras, eu percebo que elas buscam o cuidado físico. Tenho conseguido atingir os dois públicos.

 

Quais os principais benefícios que você destaca do projeto?

Quero contribuir para que muitos tenham essa alegria que eu vivo hoje. Essa mesma disposição, motivação, positivismo. O resultado é esse: saber que você está aqui para evoluir. Que têm os percalços, as dificuldades e através delas nós alavancamos a nossa vida, que nós crescemos e edificamos.

Todos os dias eu deixo mensagens motivacionais. Uso um treino, estou falando do positivo, posto uma foto e procuro fazer um link com algo positivo. Não estou ali somente para postar fotos bonitas, vídeos bonitos, eu tento jogar um conteúdo.

Isso vai gerando uma motivação na própria pessoa, ao ver as mensagens nos vídeos e nas fotos. O resultado é ter uma vida tranquila, apesar de saber que vai enfrentar dificuldades que estão ali. A pessoa que acredita que tudo tem solução, ela não trabalha com problema. Ela só trabalha com solução. Esse é resultado do trabalho da Fran Sem Frescura: viver com a solução.

 

A próxima fase do projeto será com palestras e e-books?

O projeto está na fase estrutural. É uma coisa nova. Estou preparando o território, formando equipe, a parte técnica. Assim que eu ganhar essa confiança das pessoas, vou aprofundar e passar a publicar os e-books no site, envolvendo o estudo. Também quero deixar cursos lá dentro e iniciarei as palestras, que estão programadas para o início de 2018 – quando o território já estará preparado. Esse segundo semestre será de preparo para iniciar as palestras em 2018. Também serão disponibilizados cursos dentro do site.

 

Qual a relação do projeto com sua história de vida?

Sou de Uberlândia. Vim de uma família humilde. Passei por dificuldades. Inspiro-me na minha mãe pelo seu esforço, trabalho e dedicação. Meu pai viajava, ficava meses fora e ela administrava a casa e a vida com três filhos pequenos. Sempre tive um sentimento de ajudar as pessoas. Na minha infância, já cuidava do meu irmão caçula.

Pratico atividade física desde os 14 anos. Desde nova gostava de me cuidar, não bebo, não fumo. Sempre procurei ter uma alimentação saudável. Continuei praticando atividade física quando fiquei grávida dos meus dois filhos. Na primeira engordei 9 kg e na segunda, 6,2 kg. Fiz atividade física até o dia de a minha filha nascer.

Para se ter uma ideia, quando estava me formando na faculdade, estava no último semestre de gestação da minha filha, trabalhava na Procuradoria do Município e estava fazendo uma reforma em casa. Fazia todas essas atividades, isso sem saber passar para as pessoas. Então, busquei respostas na Metafísica para passar às pessoas aquilo que deu certo para mim.

Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas no site: www.fransemfrescura.com, na fanpage do Facebook Fran Sem Frescura, no Instagram, ou pelo e-mail: contato@fransemfrescura.com

 

Texto: Leonardo Leal

Notícias relacionadas