Cidade Expresso Foco

Prefeitura realiza poda de árvores no interior do Parque do Sabiá

Ação acontece entre quarta (23) e sexta (25), das 7h às 17h

Foto: Comunicação/Futel

A partir de quarta-feira (23), o Parque do Sabiá receberá os serviços de poda das árvores, realizados pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbanístico e pela Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel).

Recentemente, o local passou por vistoria técnica que indicou a necessidade desta intervenção. A poda está programada para acontecer em etapas, prevenindo eventuais desconfortos aos usuários do parque. Esta ação inicial irá de quarta (23) a sexta (25) e vai se concentrar nas árvores de médio e grande porte que margeiam a pista de caminhada no trecho entre a portaria principal do zoológico e o Canil da Polícia Militar.

Para garantir a segurança da comunidade na execução do serviço, será necessária, ao longo dos três dias, a interdição total em 1800m de pista, no período entre 7h e 17h. Durante a noite, a pista estará liberada ao público. “Não haverá nenhum prejuízo aos frequentadores, uma vez que a pista não será totalmente fechada. Apenas esse trecho da lateral do zoológico ficará momentaneamente interditado”, explicou o diretor-geral da Futel, Silvio Soares dos Santos. Ele reforça ainda que a entrada de bicicletas será suspensa durante esse período, no intuito de garantir a segurança para os usuários da pista.

Ação preventiva

O serviço de podas vem sendo executado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbanístico desde o primeiro semestre deste ano. O objetivo é prevenir eventuais quedas de galhos durante o próximo período chuvoso e aumentar a visibilidade e segurança nos locais. A retirada de galhos secos e frágeis diminui os índices de quedas e suas consequências. Nos primeiros meses desse ano, foram catalogadas mais de 300 árvores que caíram na cidade em decorrência de ventos e chuvas fortes.

Nos últimos meses, a equipe multidisciplinar da prefeitura, que inclui profissionais de diferentes especializações, realizou visitas ao local e fez um estudo da vegetação. Vários critérios foram analisados, como a idade das árvores, as condições dos galhos, possível presença de parasitas e o tamanho desproporcional das copas. “Percebemos a necessidade imediata de intervenção. Existem muitas árvores de grande porte com idade avançada, como pés de Eucalipto, por exemplo, com galhos que podem cair com o vento e que prejudicam a iluminação da pista”, afirmou o assessor técnico de Meio Ambiente, Anderson Alves de Paula.

 

Mais segurança a todos

A poda de árvores é mais uma intervenção para a melhoria da segurança no Parque do Sabiá. Paralelo a isso, a Futel, em parceria com a Polícia Militar e o 9º Pelotão Canil, continua a desenvolver ações de prevenção e combate para melhorar a segurança dos usuários e garantir a proteção do patrimônio público. Os primeiros dois kits de câmeras de videomonitoramento estão em fase de implantação na pista de caminhada/corrida e, paralelamente a isso, as rondas se tornaram ainda mais intensas no interior do parque.

“Seguindo orientações do prefeito Odelmo Leão, estamos intensificando as medidas de segurança aos frequentadores do Parque e aos bens públicos aqui presentes. Queremos que a população se sinta à vontade nesses espaços”, exalta Silvio Soares. As ações têm apresentado resultados positivos, já que de acordo com relatório da polícia, nos primeiros seis meses deste ano houve uma queda de 40% no número de ocorrências em relação ao mesmo período de 2016.

Texto: Secom Pmu

Notícias relacionadas