Cidade Expresso Foco

Queijos de Uberlândia são premiados em concurso que selecionou os melhores do Triângulo Mineiro

Iniciativa foi realizada nesta terça-feira (5) no Camaru

 

Foto: Cleiton Borges – Secom PMU

O 2º Concurso Regional do Queijo Minas Artesanal premiou, na tarde desta terça-feira (4), dentro da 54º Exposição Agropecuária de Uberlândia (Camaru), os cinco melhores queijos feitos manualmente no Triângulo Mineiro. Das queijarias premiadas, duas são de produtores de Uberlândia. Com a conquista, os fabricantes ganharam o direito de representar a região no 11º Concurso Estadual que elege os melhores queijos de Minas Gerais, programado para acontecer em 2018.

A disputa foi organizada pela Emater e contou com o apoio da prefeitura, por meio da Secretaria de Agropecuária, Abastecimento e Distritos. Além de representantes da cidade, concorreram queijarias de outras cidades da região. Para a escolha, foram avaliados quesitos como sabor, aroma, textura, coloração e formato. O corpo de jurados foi composto por especialistas de diferentes formações técnicas ligadas à área.

Reconhecimento

A secretária municipal de Agropecuária, Abastecimento e Distritos, Walkiria Naves, que também foi uma das juradas, explica que a premiação é mais uma das ações desenvolvidas recentemente no município para o reconhecimento da qualidade do que é produzido aqui. “Em Uberlândia, a produção sempre existiu desde os tempos dos tropeiros. Mas por determinação do prefeito Odelmo Leão, por meio do trabalho desenvolvido pela secretaria e por conta de nossa nova legislação de regulamentação, temos dado importância à agroindústria familiar e propiciado que o produtor possa comercializar um produto fiscalizado e de qualidade”, contou.

Conforme explicou o gerente regional da Emater, Gilberto Carlos de Freitas, o concurso tem uma grande importância para toda a cadeia do setor. “Divulga nosso produto regional que é, notadamente, de qualidade. Isso é bom para o produtor, para o revendedor e para o consumidor final que, muitas vezes, nem imagina que temos tão bons queijos na região”, frisou.

Queijo de Uberlândia entre os melhores

Foto: Cleiton Borges – Secom PMU

A produtora Maria Ieda de Jesus, proprietária da queijaria Eldorado de Minas, foi uma das que se destacaram e, agora, representarão Uberlândia na disputa estadual. Seu produto é inspecionado pelo Serviço de Inspeção Municipal (SIM), atestando a qualidade do serviço realizado na cidade, considerada um local de referência em inspeção país.

Maria Ieda atribui o sucesso de seu produto pelo carinho colocado na fabricação. “Para mim, é muito importante esse prêmio. Foi a primeira vez que participo, é um bom começo. Quando a gente faz o que gosta, as coisas ficam boas. Eu faço com muito amor e dedicação e tenho o acompanhamento dos agentes da prefeitura”, explicou.

O outro produtor de Uberlândia classificado foi José Eustáquio Moreira Jordão, dono da Queijaria Jordão. O produtor fabrica suas iguarias na cidade há 35 anos e ficou emocionado com o reconhecimento obtido. “É uma honra concorrer com tão bons produtores. Representar Uberlândia é uma emoção, algo muito valioso para mim. É claro que vou para tentar fazer bonito e, quem sabe, ganhar no estado também”, revelou.

 

Texto: Secom PMU

Notícias relacionadas