Expresso Ituiutaba Regional

CASMI faz última chamada para recadastramento de aposentados

Cerca de 500 servidores do quadro de aposentados e pensionistas ainda não procuraram o órgão para realizar o cadastramento

Foto: Divulgação/ Ascom Ituiutaba

Restando menos de trinta dias para o encerramento, cerca de 500 servidores do quadro de aposentados e pensionistas, da Caixa de Aposentadoria dos Servidores Municipais de Ituiutaba, CASMI ainda não procuraram o órgão para realizar o cadastramento.

O processo de recadastramento, conforme prevê a lei 10.877/2004, teve início no começo do mês de agosto e deverá se encerrar no próximo dia 31 de outubro. De um total de mil servidores do banco de dados da CASMI, cerca de 50% por cento compareceram, restando exatamente a metade para cumprir com a exigência.

Segundo o Superintendente da CASMI, Ricardo Muniz, o processo de recadastramento está embasado na legislação federal, e para as pessoas que não tiver como comparecer, por motivo de saúde por exemplo, basta agendar por telefone, que será providenciado o comparecimento de servidores da Casmi na residência da pessoa”, disse Ricardo.

A convocação dos servidores aposentados para o recadastramento está publicada no edital 001/2017 de chamamento para o referido processo, e fixa como local para realização do mesmo a própria sede da Casmi, localizado na Rua 20 nº1024, centro, entre avenidas 13 e 15, no horário de 13h às 17h. O trabalho é realizado por profissional de assistência social. A não realização da atualização dos dados, poderá implicar no bloqueio de recebimento dos salários, pensões e aposentadoria. Dúvidas pode ser sanada pelo telefone (34) 3261 5353.

No site www.ituiutaba.mg.gov.br/CASMI o interessado no recadastramento poderá baixar o formulário a ser preenchido. Posteriormente, este documento, deverá ser levado até a CASMI munido de cópia e originais de: comprovante de residência (água, luz ou telefone), certidão de nascimento/casamento, certidão de óbito no caso dos pensionistas, Carteira de Identidade, Certidão de Nascimento e CPF do dependente.

Texto: Ascom Ituiutaba

Notícias relacionadas