Expresso Foco Saúde

Prefeitura capacita profissionais com foco no aperfeiçoamento de técnicas de higienização hospitalar

Ação integra trabalho da administração municipal para recuperar a Saúde em Uberlândia

Foto: Divulgação/SecomPMU

Assim como as outras atividades desenvolvidas em um ambiente hospitalar, a limpeza é um trabalho que requer atenção redobrada e cuidado permanente. A higienização adequada dos setores, alas e consultórios é essencial para aumentar a eficácia do tratamento e manter longe os microorganismos que podem atrapalhar a recuperação dos pacientes. E é por entender a necessidade de aprimorar ainda mais os serviços de limpeza nas unidades de saúde de Uberlândia que Prefeitura Municipal realiza a capacitação dos profissionais da equipe de limpeza que prestam serviço nas Unidades de Atendimento Integrado (UAIs) e no Hospital e Maternidade Dr. Odelmo Leão Carneiro (HMMDOLC).

Com o apoio da Start Química, o projeto foi iniciado na última semana no HMMDOLC, onde todas as encarregadas de limpeza das unidades receberam orientações sobre os tipos de trabalho que devem ser realizados em cada setor para otimizar os resultados obtidos pela desinfecção. A ação integra trabalho da administração municipal para recuperar a Saúde em Uberlândia.

De acordo com a assessora técnica da Secretaria de Saúde, Vânia Maria Martins, o objetivo é reforçar ainda mais os processos da limpeza hospitalar nas unidades. “Foi uma capacitação técnica feita pela coordenadora de hotelaria do Hospital Municipal para as encarregadas de limpeza das UAIs, junto a enfermeiras da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), reforçando dentro das normas da Vigilância Sanitária, com todas as disposições, orientações e terminologias específicas, como deve ser executada a higienização. Todas são capacitadas para melhorar esses processos e o intuito é que, a partir disso, façamos ações específicas com ainda mais frequência”, antecipou.

Foto: Divulgação/SecomPMU

Ações de limpeza

 Para que o trabalho tenha efetividade, os funcionários também têm colocado em prática as orientações e o aprendizado adquirido na capacitação. Acontecerão ações de limpeza em todas as unidades, além de palestras motivacionais e outras orientações. A empresa Start Química levará o maquinário e doará produtos, panos multiuso, EPI’s e outros materiais em cada visita. O primeiro local a receber os serviços foi a UAI Martins.

Concorrente x terminal

Vânia Martins explicou que existem dois tipos de limpeza hospitalar. A primeira delas é a chamada concorrente, realizada diariamente de forma mais rotineira, enquanto o paciente deixa o leito para realizar exames. Já a terminal se remete à higienização completa das áreas da unidade, onde a desinfecção é executada de modo ainda mais intensificado . Em ambos os casos, o objetivo é evitar a propagação dos microorganismos e promover a segurança e conforto aos pacientes.

Além das encarregadas de limpeza, 12 enfermeiras da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) também receberam a capacitação, uma iniciativa que representa um passo ainda maior para a padronização da higienização, como destaca a coordenadora de hotelaria do Hospital Municipal de Uberlândia, Márcia Vasconcelos.

“Capacitamos todos os serviços de higienização e a partir dessa semana teremos o mutirão de limpeza. Com essas ações, pretendemos não apenas aprimorar e reforçar o conhecimento das equipes, mas padronizar o serviço de limpeza hospitalar, acompanhando todo o processo. Esse envolvimento entre as UAIs e o Hospital Municipal é fundamental para crescermos juntos”, finalizou.

 

Texto: Secom PMU

Notícias relacionadas