Expresso Foco Segurança

Estacionamento do Parque do Sabiá terá segurança reforçada

Ações foram definidas após reunião entre Futel, Polícia Militar e grupo de corredores

Foto: Comunicação/Futel

A segurança no Parque do Sabiá foi tema de reunião entre a Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel), Polícia Militar e um grupo de corredores. Desde a última reunião, que aconteceu no dia 8 de agosto, quando foram adotadas várias medidas de prevenção, não foi registrado nenhum boletim de ocorrência no interior do parque. A partir de agora, novas ações serão implantadas para aprimorar vigilância no estacionamento que fica na entrada do bairro Santa Mônica.

A Futel realizará uma ampla campanha junto aos frequentadores do parque com foco os cuidados que as pessoas devem ter com seus veículos e pertences, como bolsas, celulares, fones e outros objetos. As rondas ostensivas dos agentes patrimoniais em motos, que já acontecem sistematicamente, passarão a ser realizadas também no estacionamento. Além disso, a Futel instalará um ponto elevado de observação, que facilitará ao agente patrimonial a visualização dos veículos estacionados.

“Temos trabalhado desde janeiro para melhorar o Parque do Sabiá, principalmente na questão da segurança. A primeira etapa do vídeo-monitoramento já está funcionando em parte da pista no lado do bairro Tibery. Já estamos trabalhando para a instalação de outros três kits de câmeras, que totalizará 120 equipamentos dentro do parque. Intensificamos também as rondas dos nossos agentes em cinco motos e ainda contamos com um grande apoio da Polícia Militar”, disse Silvio Soares dos Santos, diretor-geral da Futel.

PM faz alerta

O tenente Rodrigo Cordeiro, comandante do setor 1 (Tibery) da Cia 158 da PM, que também participou da reunião, disse que a Polícia Militar intensificará as rondas, porém faz um alerta aos frequentadores do Parque do Sabiá. “É necessário que as pessoas não se esqueçam de fechar vidros e trancar as portas de seus veículos e não deixem em hipótese alguma, qualquer objeto sobre os bancos ou em local visível. Como o parque é visitado por mais de cinco mil pessoas diariamente, é importante que as pessoas se protejam, evitando caminhar ou correr sozinhas, principalmente à noite ou em horários de menor movimento. Os frequentadores também devem evitar carregar celulares ou objetos de valor durante a prática de qualquer atividade física”, adverte.

 

Texto: Secom PMU

Notícias relacionadas