Destaque Expresso Games

Mega Man 30 anos!

Um dos mais queridos e importantes protagonistas dos games está “trintando”! E, em comemoração a esse robozinho que influenciou gerações, foi anunciada a produção de uma nova continuação dessa saga gigantesca! Vem aí o “Mega Man 11”.

Foto: Divulgação

Esse ano de 2017 foi bastante movimentado no mundo dos jogos. Principalmente para algumas das maiores franquias e séries do setor. Lançamento dos novos “Super Mario” (Odissey/Rabbids), nosso querido Link de volta em “Zelda: Breath of the Wild” e novas fases para o premiado Sonic (Mania). Novas franquias também estão surgindo como o fabuloso “Cuphead”, além da nossa querida Aloy em “Horizon Zero Dawn”. Mas teve uma notícia que empolgou muito entusiasta das antigas: um novo Mega Man está sendo produzido, em comemoração aos seus 30 anos de criação. E provavelmente já tem data para ser lançando: 2018.

Criado em 1987 por Akira Kitamura e inspirado nos “Tokusatsu” – séries japonesas (como “Jaspion”, “Changeman” e principalmente “Ultraman”), “Mega Man” provavelmente é a maior franquia de consoles da gigante Capcom, com mais de dez jogos oficiais, além de spin-offs (e “Mega Man X”). Seu primeiro jogo foi exclusivo para Famicon (Nintendinho japonês) e não fez tanto sucesso em sua estreia. O robozinho azul, que foi lançado no Japão como Rock Man, teve seu nome alterado para o mercado euro-americano. Seu inovador esquema de batalha deixou muita gente contente. E triste, porque o jogo era considerado bem difícil. As sequências, sim, estouraram, principalmente depois do terceiro capítulo do game.

A história, apesar de simples, fez muito sucesso durante toda a saga. Dois gênios da robótica resolveram criar uma nova geração de robôs como nunca antes. Com todo o sucesso da empreitada, a gana de Dr. Albert Wily pelo “poder” fez com que seus robôs começassem a praticar atos de terrorismo contra o povo. Então, seu antigo sócio, Dr. Thomas Light, cria Mega (ou Rock) para combater toda essa ambição de Wily. E assim começa toda a batalha do game.

Algumas curiosidades:

– Dr. Light e Dr. Wily, criadores dos Robot Masters, foram inspirados em Thomas Jefferson (Light) e Albert Einstein (Wily).

– Mega Man é azul devido à limitação da palheta de cores do Nintendinho. Originalmente ele seria da cor branca, mas Kitamura e a Capcom resolveram representá-lo com uma cor mais forte.

– Como dito, o nome original no mercado japonês era “Rock Man”. Dr. Light cria uma assistente robótica para serviços domésticos e do laboratório: Roll. Sim, sempre houve uma inspiração no gênero musical para a série. Inclusive no spin-off (“Mega Man X5”), os chefes do game têm como referência os nomes dos integrantes originais da banda Guns ‘n’ Roses.

– A série animada transmitida na TV aberta brasileira fez grande sucesso e tinha projetos de um novo seriado para 2017/2018.

E como nosso querido robozinho está completando trinta anos agora em dezembro de 2017, a Capcom anunciou um novo game. Uma continuação, na verdade, mas com adaptações de gráficos para a nova geração. E com previsão de lançamento já para 2018!

Com toda uma história de sucesso, referências clássicas no processo de criação e uma das mais consagradas franquias do mundo virtual, “Mega Man 11” chega no ano que vem, para todas as plataformas (PS4, XboxOne, Nintendo Switch e PC/Windows), junto com toda aquela jogos.nostalgia dos games antigos.

Trailer de anúncio do novo “Mega Man 11”!

Texto: Lucas Luz

Notícias relacionadas