Expresso Ituiutaba Regional

Rede municipal tem merenda escola garantida para 2018

Processo licitatório da merenda, concluído neste início do mês de janeiro, começou em setembro de 2017.

Foto: Ascom Ituiutaba

Segundo a Secretária Professora Edmar, o processo licitatório, mesmo prevendo o acréscimo de aluno, tem como base os dados apurados com os gastos na merenda escolar em 2017. “Sabemos que o número de alunos irá aumentar naturalmente, até porque não está fechado o total de matriculados. Principalmente na educação infantil.O nosso planejamento, está planejado para não haver aditivo”, disse a Secretária.

Processo licitatório da merenda, concluído neste início do mês de janeiro, começou em setembro de 2017. Cerca de 12 empresas, localizadas em Ituiutaba e de outros municípios participaram do certame. Inicialmente, serão entregues ainda neste mês, alimentos não perecíveis, adquiridos na licitação de 02 de Janeiro de 2018, no total de R$1.219.436,01 (hum milhão, duzentos e dezenove mil, quatrocentos e trinta e seis reais e hum centavo). Para a aquisição de alimentos da agricultura familiar, previsto para ocorrer na primeira semana de fevereiro, está reservado aproximadamente R$540 mil. O total de valores investidos na merenda escolar de 2018, deve chegar a R$1.760.000,00.

Conforme esclareceu a Professora Edmar, a agricultura familiar está recebendo a atenção devida, considerando para este ano, o aumente de itens a serem adquiridos. “São mais de vinte tipos de produtos a serem compro para a merenda escolar, oriundos da agricultura familiar. Na maioria são frutas, ofertamos dois tipos de frutas por dia. Na maior parte de nossas escolas com tempo integral, são oferecidas quatro refeições dia”, disse.

COZINHA CENTRAL. De acordo com a Secretária Edmar Paranaíba, local de preparação diária de toda a merenda escolar entregue em todas as vinte escolas da rede municipal e creches, está com as instalações inspecionadas, com servidores devidamente preparados sob o acompanhamento e supervisão de profissionais como nutricionistas.

“Seguimos todas as normas e exigências previstas e que nos são cobradas no preparo do alimento da forma mais saudável e com bastante”, disse Professora

 

Texto: Ascom Ituiutaba

Notícias relacionadas