Expresso Foco Segurança

Poda da Sibipiruna da João Pinheiro é suspensa e gera ocorrência policial

Árvore tombada só poderia passar por intervenção após laudo técnico e acompanhamento de profissional qualificado

Uma intervenção do grupo de ambientalista denominado Movimento Damas Verdes impediu a poda da tradicional árvore Sibipiruna que fica na avenida João Pinheiro em frente à praça Adolfo Fonseca. Conforme o Boletim de Ocorrência, o grupo orientou o assessor da Secretaria de Meio Ambiente que a árvore, por ser tombada pela Lei Municipal 4043 de 10 de maio de 1984, só poderia ser podada com a presença de um técnico qualificado da área ambiental que acompanhasse a intervenção e estivesse munido de laudo técnico.

Durante a ocorrência, o grupo ressaltou que não impediu a realização da poda, mas alertou para o cumprimento da legislação específica do tombamento. O assessor informou aos policiais que tinha uma ordem de serviço para realizar a poda da Sibipiruna e que a Lei 10.700/2011 prevê como responsabilidade da Secretaria de Meio Ambiente a responsabilidade da poda de árvore na área urbana. Ele apresentou também o parecer técnico 048/2018.

Outras árvores passaram por intervenções na avenida João Pinheiro no sábado conforme ação divulgada pela Secretaria de Meio Ambiente.

 

Texto: Leonardo Leal

Notícias relacionadas