Cidade Destaque Expresso

Delegado Chefe da PF é homenageado pela Câmara

Carlos Henrique Cotta D’Ângelo ressaltou que o título é um reconhecimento do bom trabalho de todos os policiais em geral

Foto: Aline Rezende /CMU

O delegado chefe da Polícia Federal em Uberlândia, Carlos Henrique Cotta D’Ângelo, foi homenageado com o título de Cidadão Honorário de Uberlândia em sessão solene realizada na manhã de terça-feira (06), na Casa de Leis. A homenagem do Legislativo ao delegado foi uma iniciativa do vereador Ronaldo Alves.

Foto: Aline Rezende /CMU

Ao receber o título honorário de Cidadão Uberlandense, Carlos Henrique Cotta D’Ângelo, agradeceu ao Poder Legislativo, aos agentes e delegados da Polícia Federal e aos seus familiares. Ao usar a tribuna da Casa de Leis, ele destacou o entusiasmo e as oportunidades que têm tido de realizar um bom trabalho nos quatro anos que está em Uberlândia. “Ao propor o título, o vereador Ronaldo Alves, presta uma homenagem não a mim, mas aos homens e mulheres que fazem a Polícia em Uberlândia. Uma demonstração que os homens públicos de Uberlândia estão preocupados com a Segurança Pública e que efetivamente reconhecem o árduo trabalho do policial. Materialmente, somos todos policiais, administrativamente é que nos dividimos em Federais, Civis, Militares, mas somos todos policiais”, afirmou.

D’Ângelo ressaltou também que o título é um reconhecimento do bom trabalho de todos os policiais em geral e especificamente dos seus colegas da Polícia Federal. Nascido em Patos de Minas e criado em Ouro Preto, está no cargo de delegado há 15 anos e na na chefia da instituição em Uberlândia desde 2013. Anteriormente, atuou em Uberaba por um ano.

Foto: Aline Rezende /CMU

O autor da homenagem, vereador Ronaldo Alves, destacou que a Polícia Federal tem dado exemplo de conduta moral e ética. É modelo na prática dos valores de cidadania. “Nos quatro anos que está na cidade, o senhor tem mostrado sua liderança como delegado regional, respondendo pelos seus agentes do qual tem o respeito. O título de cidadão é da Câmara, de todos os vereadores, como reconhecimento por seu trabalho à frente da Polícia Federal”, afirmou.

 

Texto: Leonardo Leal

 

Notícias relacionadas